sexta-feira, 15 de outubro de 2010

A Videira e os Ramos

Enchem a boca para dizer: “Se você não gerenciar um pequeno grupo (Eclesiasticamente falando), você vai para o inferno, pois na Bíblia diz que os ramos que não dão fruto são cortados e lançados no fogo”. Os que fazem afirmação semelhante a essa não sabem o que dizem ou querem apenas legitimar algum sistema. Isso é mero legalismo.

Pergunto: “Em que Bíblia há essa afirmação cara pálida? Só se for a sua Bíblia que traz tal afirmação”. Saiba que quando afirmamos isso, negamos o valor do sacrifício do Cordeiro e acabamos dizendo que a salvação é pelo esforço de conquistar almas

Vamos ver o que realmente a Bíblia afirma: “Todo ramo que, estando em mim, não dá fruto, ele corta; e todo que dá fruto ele poda para que dê mais fruto ainda... Eu sou a videira; vocês são os ramos. Se alguém permanecer em mim e eu nele, esse dará muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma”. (João 2,5 NVI)

Então cara pálida, quem foi que disse que a palavra ‘fruto’ deste texto bíblico se refere somente e exclusivamente a ‘ganhar alma’? Quem foi que disse que o fruto do cristão é somente esse? Quem foi que disse que o fruto do cristão é somente e exclusivamente gerenciar um grupo?

Em algo concordamos, Jesus é a videira. E os ramos são os cristãos. Todos aqueles que duma forma afirmam ser um cristão é um ramo. Concordamos que os ramos devem produzir os mesmo frutos que a árvore produz. Concordamos que a árvore produz conforme sua espécie e que conhecemos a árvore pelo tipo de fruto que ela produz. Só não me venha com um papo legalista afirmando que o fruto do cristão é somente ‘ganhar alma’.

Mas, qual é o fruto do cristão? Ou quais são os frutos do cristão?
Se analisarmos a vida de Jesus teremos a resposta para essa simples pergunta.
Podemos listar alguns dos frutos que os ramos devem produzir e produzi-los com certa consistência e continuidade.

Entre os frutos que os ramos devem produzir podemos citar:
- Justiça;
- Boas obras;
- Generosidade;
- Louvor a Deus;
- Ganhar almas;
- etc.

Falar que é ‘ramo’ e que está na videira é fácil. Mas não se iluda se não tiver caráter de ‘ramo’ não adianta se iludir com números e relatórios de produção. Assim o fruto dum ramo está ligado a caráter e atitude. Os frutos de cristão vemos mediante a metanóia* que ele experimentou. verificamos se o ramos relamente produz, quando observamos o que há no coração do mesmo ramo, pois a boca fala do que está cheio o coração.

Ótima semana a todos
Deus os abençoe abundantemente


Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade”. (Gl 5:22 NVI)


*metanóia = é uma palavra de origem grega (μετάνοια , metanoia) e significa arrependimento, conversão (tanto espiritual, bem como intelectual), mudança de direção e mudança de mente; mudança de atitudes, temperamentos; caráter trabalhado e evoluído.

Um comentário:

disse...

Pois é, o frutos são nossas boas obras, amor , alegria, não é um simples relatoóio de quantos membros vc ganhou. Muito bom. Parabéns pelo texto. Paz querido!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails