domingo, 14 de agosto de 2011

Quando o Louvor era Louvor

Hoje é muito difícil encontrar músicas com profundidade.
Hoje o louvor é mero um produto do mercado gospel.
A grande maioria dos louvores hoje é sem essência e possuem rimas pobres e muitas repetições. Hoje as canções de adorações são medíocres. Prestam apenas para louvar algum líder humano ou algum método de crescimento explosivo.
É nítida a deficiência de muitas canções tocadas nas igrejas evangélicas de hoje no que se refere à inspiração.

Quando o Louvor era Louvor havia letras com rica poesia e profunda inspiração, as canções eram ricas em elementos teológicos e não estavam preocupadas em ensinar visão celular. Naquela época as canções declaravam que somente o SENHOR é Deus.
Hoje as canções são feitas com a intenção de criar um refrão chiclete para que se vendam mais CDs. Compare as canções que eram tocadas nas igrejas brasileira na década de 90 com as canções de hoje, verá o quanto hoje são pobres em suas harmonias e letras.

O ouvido de Deus não é penico e nem o meu. Poderia citar enumeras canções tocadas hoje que não tem nada adoração a Deus, mas prefiro encerrar este post com um dos clássicos que eram tocados na época em que o Louvor era Louvor.

Graças a Deus que cresci naquela época da musica cristã e que Deus tenha compaixão da gurizada que está crescendo com refrões do tipo “me dá poder de filho [pois não sou filho e quero apenas ter poder pra andar sobre as águas]”



2 comentários:

Equipe Trupe Quin disse...

Concordo plenamente com a matéria exposta e me envergonho de ouvir o nível de música produzida.
Considero como música enão louvor, visto que as letras não enautecem verdadeiramente a Deus.
Expor seu sofrimento, o quanto é pequeno e miserável em nada nos aproxima ou de fato pode engrandecer ao Senhor.
É um mercado financeiramente poderoso mas graças a Deus que ainda existem pessoas que conseguem enxergar o que realmente acontece e ter a visão crítica e clara sobre o que é oferecido ao homem e à Deus.

Viviane Caldas disse...

gostei do post, realmente sentimos falta de louvores que engrandece o nome de Deus, mas não podemos generalizar existem diversas maneiras de adorar...adoração é algo tão pessoal que posso adora cantando o que Deus fez comigo...sem esquecer q a adoração total deve ser a ele...quanto a outros infeslismente as pessoas querem vender visão, estratégia e poder...como vi recentemente em um orkut" igrejas como fama existem várias...mas contúdo e fama só "fulana tem"...acho que o ide de Cristo mudou e esqueceram de nos comunicar,não me lembro do mestre nos mandando ir atras de fama...vc se lembra?

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails