sexta-feira, 6 de novembro de 2009

O dia em que o boi se apaixonou pela onça



Atenção: novamente, venho com este aviso, o texto abaixo é meramente pra diversão, trata-se duma forma alegórica pra rir de fatos do cotidiano, lógico são textos inacabados, assim cada leitor pode concluir o que quiser conforme sua criatividade. Não há nada de edificante neste texto. Sugiro, se quer algo edificante, passe pra outra postagem.


Era para ser um dia normal, ou um dia qualquer. Estava à toa em casa; Telefone tocou,Um Convite para almoçar na “liga da justiça”, minha intuição me dizia que algo estava errado; algo ou alguém alterou a ordem das coisas naquele dia.


O almoço foi maravilhoso e o dia excelente. Acredito que o cupido neste dia estava com síndrome de “zuação”, pois No fim do tarde, retornando para casa, o boi olhou para a onça com outros olhos.

Olhos de ternura. Alguém já disse que o amor é cego, mas por será que esse boi se apaixonou pela onça, será que ele não sabe que este é um relacionamento perigoso, pois mesmo esta onça sendo pentecostal, ela é muito perigosa.

O boi não tirava os olhos da onça… da onça pentecostal. Os outros bois falavam “cuidado! Essa onça pode te matar”, o boi apaixonado apenas respondia “não importa morrer de amor”.

Que bagunça fez esse cupido! Alterando a ordem das coisas!

Quanto mais o boi se apaixonava, a onça o ignorava

minha cara onça pentecostal, cuidado! Pois com boi desprezado não se brinca
Boi desprezado é capaz de muita coisa… até de mandar te empalhar

Nota do Editor: Texto Fictício, alegoria dum ocorrido de um dia comum

3 comentários:

TUDO E POSSIVEL disse...

kkk..e migo..qdo ve assim eu sou cupido da historia...kkk
ja to gostando dessa profissão..kkk

Viviane disse...

mas fala sério tembém quem não se apaixonaria por essa onça pentecostal....hehehe

Fabio Faith disse...

é verdade
quem naos e apaixona por uma onça pentecostal
só bobos que nao se apaixona por oncas pentecontais kkkkkkkkkk

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails