sábado, 5 de fevereiro de 2011

Freud & Lewis (não é dupla sertaneja)

Existe uma religiosidade possível para o homem contemporâneo moldado intelectualmente pelo racionalismo? Para Karl Marx (1818-83) e Sigmund Freud (1856-1939), a resposta é negativa. Ambos acreditam que a religião é apenas uma maneira de tornar tolerável o intolerável da condição humana. Segundo o autor do conceito de materialismo histórico, religião é uma forma de falsa consciência; de acordo com o pai da psicanálise, não passa de uma expressão da imaturidade do homem.
(Metafísica sem deus, Oscar Pilagall. Disponível no blog do Ed René Kivitz)

É apenas o Cristianismo que instiga um intelectual como eu a participar de uma festividade como a Santa Ceia, e também instiga um convertido da África Central a tentar um esclarecedor código de éticas. (Cartas para Sheldon Vanauken – C. S. Lewis)

Freud e Lewis - muitas semelhanças e uma diferença enorme.

Os dois gigantes do século passado não eram tão gigantes assim. Tanto Freud como Lewis tiveram várias crises de depressão. Os dois tiveram uma vida sofrida.

Freud e Lewis eram netos de religiosos - o primeiro, de um rabino e o segundo, de um pastor anglicano - e foram educados no temor de Deus e nas religiões da família. Outra semelhança notável entre os dois grandes expoentes foi o ateísmo confesso de ambos. Mas essa semelhança acabou com a conversão de Lewis aos 31 anos.

2 comentários:

Eduardo Medeiros disse...

oi fábio, beleza?

lewis e freud continuam até hoje como referências no assunto. concordo com a maioria das críticas de freud e marx fizeram à religião e com a crítica ácida que nietzchie fez do cristianismo; acontece que o homem não pode viver sem espiritualidade (sem religião, pode); por isso também creio que é possível uma religiosidade para o mundo contemporâneo; fé não precisa ser explicada cientificamente, assim como deus. deus e fé antes de tudo, são sentimentos, e quem sente, sente.

abraços

Fabio Faith disse...

Tem toda razão Eduardo

Sem religiao sim
Sem espiritualidade nao

A espiritualidade é inerente ao ser humano assim como a razao

gde abraçoO

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails